fbpx

Varejo

Conheça os 5 principais impactos da LGPD varejo 

Conheça os 5 principais impactos da LGPD varejo 

Legislação, Varejo
A entrada em vigor da LGPD tem criado muita euforia nas empresas do setor varejeiro. Por ser o setor respons√°vel por lidar diretamente com o consumidor final, o Varejo ser√°, tamb√©m, onde os impactos (positivos ou negativos) ser√£o sentidos primeiro.E n√£o poderia ser diferente, j√° que a lei foi criada ‚Äúcom o objetivo de proteger os direitos fundamentais de liberdade e de privacidade e o livre desenvolvimento da personalidade da pessoa natural‚ÄĚ.Portanto, pode-se dizer resumidamente que o objetivo principal da LGPD √© proteger os dados da pessoa natural (sujeito de direitos e obriga√ß√Ķes). Urg√™ncia na Implanta√ß√£o da LGPD¬† A LGPD entrou em vigor no √ļltimo dia 18/09/2020. Muito tem se falado sobre as multas milion√°rias que podem ser aplicadas √†queles que descumprirem as regras da Lei
Sped Registro 0500 Plano de contas cont√°beis e a sua obrigatoriedade

Sped Registro 0500 Plano de contas cont√°beis e a sua obrigatoriedade

Legisla√ß√£o, Obriga√ß√Ķes Acess√≥rias, Varejo
O Sped Registro 0500 Plano de Contas Cont√°beis √© obrigat√≥rio para as empresas que apuram a Contribui√ß√£o do PIS/Pasep e Cofins no regime n√£o cumulativo (empresas que apuram o IR no Lucro Real).Registro 0500 Plano de Contas Cont√°beis Este registro tem o objetivo de identificar as contas cont√°beis utilizadas pelo contribuinte em sua Escritura√ß√£o Cont√°bil, relacionadas √†s opera√ß√Ķes representativas de receitas, tributadas ou n√£o, e dos cr√©ditos apurados.√Č importante destacar que n√£o podem ser informados dois ou mais registros com a mesma combina√ß√£o de conte√ļdo nos campos: DT_ALT, COD_CTA e COD_CTA_REF.Aten√ß√£o! Para as pessoas jur√≠dicas que apuram a Contribui√ß√£o para o PIS/Pasep e a Cofins no regime n√£o cumulativo (PJ que apuram o IR com base no Lucro Real), o c√≥digo da conta co
Como o supermercadista pode aproveitar a tecnologia no supermercado

Como o supermercadista pode aproveitar a tecnologia no supermercado

E-commerce, Tecnologia, Varejo
Nos √ļltimos anos acompanhamos o crescimento das vendas online de diversos segmentos. O supermercado n√£o fica de fora dessa corrente e registra um crescimento significativo do e-commerce.¬† Portanto, o empres√°rio deve ter conhecimento sobre a tecnologia no supermercado, precisa entender as novidades tecnol√≥gicas que afetam e ajudam no dia a dia da loja e usar essas ferramentas para o aumento das vendas e da lucratividade do seu neg√≥cio.A internet faz parte da vida de toda sociedade, ignorar esse fato, e sua influ√™ncia nas rela√ß√Ķes de consumo, √© abrir m√£o de uma ferramenta importante.Para acompanhar os novos h√°bitos de compra dos consumidores e evitar a queda das vendas √© preciso usar tecnologia no supermercado.Mas como voc√™ pode aproveitar a tecnologia no superme
5 Gargalos da operação de um supermercado online

5 Gargalos da operação de um supermercado online

E-commerce, Tecnologia, Varejo
Gargalos operacionais s√£o impedimentos ou obst√°culos que interferem em um processo operacional, comprometendo a produtividade da empresa. Em um supermercado online esses gargalos podem representar a lentid√£o e a inefici√™ncia do processo de venda, ou at√© mesmo, resultar no seu fracasso e insatisfa√ß√£o do cliente. Por isso, para garantir o objetivo maior que √© a satisfa√ß√£o do cliente, √© fundamental ficar atento aos principais gargalos da opera√ß√£o de um supermercado online. Por que √© importante mapear os gargalos no supermercado online? O imediatismo √© um dos principais fatores que determinam a satisfa√ß√£o do consumidor no momento de uma compra pela internet, por isso n√£o h√° tempo a perder na opera√ß√£o do supermercado online. O tempo √© curto e a maioria das atividades depende
O que s√£o perdas e como evit√°-las em seu supermercado?

O que s√£o perdas e como evit√°-las em seu supermercado?

Estoque, Gest√£o, Varejo
O n√ļmero de perdas no varejo pode facilmente chegar a 2,26% do faturamento l√≠quido da empresa. Se esse percentual influencia os grandes supermercados, imagine o quanto ele √© prejudicial ao pequeno varejo.√Č inevit√°vel a conclus√£o de que o grande objetivo do varejo √© vender. Quando o varejista compra um produto e esse produto n√£o chega ao seu cliente, est√° caracterizada uma perda, que certamente resultar√° em preju√≠zos.Dessa forma, entender e identificar as perdas na sua loja √© importante para o processo de preven√ß√£o. O varejista precisa saber o que est√° perdendo para poder criar m√©todos de evitar e controlar essas baixas de estoque. Partindo do b√°sico, o que s√£o perdas? Podemos definir a perda de estoque como a diferen√ßa entre o estoque apresentado no sistema e o que realmente
A força dos dados: contra fatos não há argumentos

A força dos dados: contra fatos não há argumentos

E-commerce, Tecnologia, Varejo
Estamos na era digital h√° anos e com a recente pandemia a transforma√ß√£o digital acelerou fortemente nas empresas de todos os setores. Os processos ficaram ainda mais f√°ceis, mais acess√≠veis e automatizados. E, como todos est√£o carecas de saber, a compreens√£o de tempo do ser humano mudou: se voc√™ n√£o for √°gil, algu√©m vai ser mais √°gil que voc√™ e a sua empresa vai ficar para tr√°s. A frase ‚Äútempo √© dinheiro‚ÄĚ nunca foi t√£o real e pr√°tica como agora.Mas ser√° que estamos mesmo carecas de saber? Porque, se estiv√©ssemos, esses processos que falei seriam muito mais inteligentes e focados em dados. Tenho certeza que voc√™ j√° viu em todos os blogs, not√≠cias e artigos poss√≠veis que √© preciso ser data driven (pessoa orientada a dados), e tamb√©m tenho certeza de que o que voc√™ mais busca s√£o resu
8 elementos para entender o que é transformação digital nos supermercados

8 elementos para entender o que é transformação digital nos supermercados

E-commerce, Tecnologia, Varejo
Que o mundo tem mudado √© f√°cil de perceber, a tecnologia derrubou as barreiras f√≠sicas e o mundo est√° cada vez mais digital.¬†Pessoas se relacionam de forma digital, trabalham no mundo digital, prestam servi√ßos de forma digital, e claro, vendem por canais digitais.A transforma√ß√£o digital √© um movimento global, n√£o apenas das empresas, mas envolve a rela√ß√£o entre as pessoas, comportamento e cultura.Pare e pense, se, em 1990, algu√©m lhe dissesse que em breve, as pessoas se relacionariam com outras de forma virtual, conheceriam novas pessoas, manteria contato, relacionaria em grupo, isso tudo de forma totalmente virtual, voc√™ provavelmente n√£o acreditaria.E essa √© apenas a ponta do iceberg, as mudan√ßas s√£o muito mais profundas e se espalham por todos os tipos de rela√ß√Ķes.
A influência do marketing digital nos supermercados em tempo de pandemia

A influência do marketing digital nos supermercados em tempo de pandemia

E-commerce, Tecnologia, Varejo
O marketing digital tem crescido exponencialmente nos √ļltimos anos, al√©m disso, est√° abrangendo os mais diversos setores. Tanto que, podemos observar uma redu√ß√£o nos investimentos em Marketing Tradicional (Outdoors, Tv, R√°dio, Impresso), j√° que boa parte das empresas t√™m direcionado seus maiores esfor√ßos em estrat√©gias digitais. Com os supermercados n√£o poderia ser diferente, as estrat√©gias digitais s√£o mais comuns nesse segmento.Por√©m, com o surgimento da pandemia de 2020, esse crescimento alavancou de forma consider√°vel. Desde as maiores redes at√© os mercados menores, precisaram se adaptar e muitos deles encontraram uma sa√≠da no Marketing Digital.√Č fato que a pandemia de 2020 trouxe in√ļmeros preju√≠zos para os diversos setores do mercado. No entanto, a intensidade
Tudo sobre o Pix para o varejo

Tudo sobre o Pix para o varejo

Gest√£o, Gest√£o Financeira, Tecnologia, Varejo
As novas tecnologias estimulam o sistema financeiro a repensar suas opera√ß√Ķes, principalmente devido ao aumento da demanda dos clientes por solu√ß√Ķes de pagamentos mais simples, r√°pidas, seguras e econ√īmicas.¬†O esfor√ßo do Banco Central para responder a esse desafio se consolidou em um nome que voc√™ vai ouvir muitas vezes: Pix. Esse sistema, desenvolvido pelo Banco Central, permitir√° ao brasileiro fazer e receber¬† pagamentos instant√Ęneos, transfer√™ncias eletr√īnicas de dinheiro conclu√≠das em poucos segundos, a qualquer hora do dia e para qualquer institui√ß√£o financeira.O Pix ter√° forte impacto na economia nacional e √© uma importante iniciativa para trazer uma forma eficiente de realizar opera√ß√Ķes financeiras. Tamb√©m facilita a inclus√£o da tecnologia no dia a dia, desenvolvendo um
As Vantagens da Automação Comercial para Varejo

As Vantagens da Automação Comercial para Varejo

Software ERP, Tecnologia, Varejo
√Č comum que alguns supermercadistas tenham uma certa resist√™ncia quando o assunto √© tecnologia. Entretanto, a automa√ß√£o comercial para varejo √© uma quest√£o de sobreviv√™ncia no mercado.Muitas vezes quando se pensa em otimiza√ß√£o de processos internos das empresas do varejo, uma tradi√ß√£o pode falar mais alto, aquela que acredita que algumas atividades devam estar ‚Äúdebaixo de sete chaves‚ÄĚ, ou seja, se mantenham manuais, literalmente na m√£o do dono.Mas ser√° que essa √© realmente a melhor forma de conduzir uma loja nos tempos atuais? Na opera√ß√£o di√°ria o varejista √© cercado de uma s√©rie de desafios, o grande volume de produtos que faz parte do estoque da loja, o alto fluxo de pessoas nos corredores, a variedade de mercadorias e as v√°rias particularidades de cada uma, com