Gestão

Como aumentar as vendas no seu supermercado?

Escrito por Equipe InfoVarejo | 10/10/2019
  • 1920 visualizações
  • 179 compartilhamentos

Aumentar vendas é uma preocupação recorrente do supermercadista. Ainda mais em um cenário com um mercado cada vez mais competitivo. Atualmente, o varejo brasileiro está saindo de uma crise, que durou cerca de 5 anos. As empresas que se mantiveram no mercado, agora, terão uma grande oportunidade de aumentar as vendas.

Como aumentar vendas do seu supermercado?

Para manter o resultado positivo de uma loja é preciso fidelizar os atuais clientes e buscar novos consumidores. Além disso, é preciso se adequar às novas exigências do mercado consumidor.

Os hábitos de compra mudaram, as novidades tecnológicas tomaram conta de todos os setores da sociedade e no varejo essa realidade não é diferente. Os novos métodos de venda, possuem cada vez mais clientes, de forma que deixar de acompanhar esse movimento poderá representar perda de mercado para o supermercadista.

Mas como aumentar vendas nesse mercado altamente competitivo?

Há duas maneiras de aumentar vendas. Conquistar novos clientes ou aumentar a demanda de compra dos seus atuais consumidores. O varejistas têm um leque de ferramentas para trabalhar em ambos os objetivos. Algumas delas, podem ajudar nos dois, mas o que mais interfere na escolha é o contexto em que sua loja está inserida. Não existe receita. 

Por isso, vamos abordar as principais formas de aumentar as vendas em seu supermercado. 

Multiformato

Nos últimos anos, o formato que mais cresceu no Brasil foi o atacarejo, dado que, no momento da crise, as pessoas buscam por preços competitivos. Porém, no cenário atual, esse formato tende a não crescer tanto mais

A tendência agora são as lojas de produtos diferenciados. Supermercados ou lojas multifuncionais caíram no gosto dos brasileiros. Por isso, um supermercado que contenha uma rotisserie, uma saladeria, um buffet de comida japonesa ou uma patisserie, atenderão a demanda desse novo público. 

Esse novo formato precisa de uma análise e investimentos. Assim, é muito importante o estudo da logística e do local onde é a empresa, a identificação do público alvo, dentre outras variações que podem interferir na tomada de decisões.

É importante analisar a realidade e o formato da loja antes de qualquer medida. Qual é o tamanho da loja? Qual o tipo da loja, um atacarejo, uma loja de bairro ou uma conveniência? As medidas para aumentar as vendas irão depender do contexto da sua loja.

Normalmente, por uma questão física, o formato da loja é avaliado quando se está abrindo uma nova unidade, visando novos clientes da região pretendida. Mas não precisa ficar fixo nesse pensamento, é possível adaptar a oferta da sua loja em vista de um outro formato. 

Por exemplo, supondo que você queira trazer o conceito de conveniência para sua loja, é possível promover mudanças como instalar caixas rápidos e mudar a localização da padaria dentro da sua loja, trazendo-a mais para perto dos caixas. Compreende?

Multicanalidade

A multicanalidade é caracterizada pela presença da empresa, tanto no ambiente físico, quanto no ambiente digital. Ou seja, é a empresa estar em diversos canais, como mídias sociais, mobile e plataformas online.

O ambiente físico do varejo é o DNA do supermercadista, como bom comerciante ele já está acostumado com os desafios diários, já sabe como conduzir a sua loja em busca do sucesso e, principalmente, já tem experiência no convívio com o cliente.

O ambiente digital serve para alavancar as vendas, fornecendo ao supermercadista mais uma forma de estar presente em outro momento de compra do consumidor. O e-commerce, como é conhecido, tem se tornado um braço importante das vendas do varejo.

Um dos pontos mais importantes ao se falar em multicanalidade é o omnichannel. Basicamente, omnichannel é a convergência de todos os canais utilizados em uma empresa. Isto é, é a integração entre a loja física, virtual e os compradores. Ou seja, ao comprar pela plataforma online, o consumidor terá uma experiência mais próxima possível de comprar na loja física. 

Outro ponto de melhoria na experiência do cliente que compra online é o pickup in-store. O pickup in-store consiste na retirada do produto na loja física, por parte dos clientes que tenham comprado online. Assim, o cliente tem a conveniência de não precisar esperar pela entrega do produto e não precisar pagar o frete.

A vantagem da multicanalidade é que o varejista utiliza a própria estrutura da loja para aumentar as vendas. A desvantagem desses formatos é que haverá um investimento por parte da empresa. Investimentos em processos, ferramentas, marketing digital. Enfim, um investimento que pode ser um pouco alto no início, mas que dá retorno. 

No mundo atual, esse é um projeto que deve ser colocado como prioridade, mas muitas empresas falham nessa missão. 

Vantagem competitiva por meio das vendas online

Vender online também pode representar uma vantagem competitiva sobre o seu concorrente, no momento que o cliente estiver disposto a realizar uma pesquisa de compra ou mesmo concretizar a compra, ele encontrará sua loja na internet.

O e-commerce também funciona como uma vitrine para sua loja, pois o consumidor tem acesso à sua loja, de onde ele estiver. Em outras palavras, sua loja está mais presente no dia a dia do cliente.

Esse aumento da disponibilidade, gera o aumento das vendas da loja virtual e também da loja física. Além de claro, atrair novos clientes pela proposta de comodidade que o e-commerce oferece.

Programas de fidelidade

Para aumentar as vendas do varejo, você deve aumentar a fidelidade e fomentar mais compras da sua base de clientes. Claro que é muito importante conquistar novos clientes, mas você nunca pode deixar de olhar para os seus consumidores fiéis. 

Essa solução só possui vantagens. Além de um baixo investimento, você não precisa mudar a estrutura da loja. Dessa forma, seu formato de venda continuará o mesmo. Seu software de gestão precisa estar preparado para esse formato. 

Os programas de fidelidade exigem um esforço menor do que o e-commerce e um investimento menor do que abrir uma nova loja. 

Utilize programas de pontuação, descontos em produtos via aplicativo mobile, cashbakcs, descontos exclusivos para participantes do clube da sua loja, participação de sorteios. Enfim, as possibilidades são inúmeras. Toda empresa precisa ter um programa de fidelidade. Premiar e valorizar seus clientes fiéis é uma ação básica. 

Conclusão

Durante 5 anos os varejistas precisaram olhar para a empresa e reduzir custos. Não é para deixar esse processo para trás, mas é hora de aproveitar as oportunidades e aumentar as vendas. 

Agora é o momento de pensar em estratégias para aumentar as vendas e conquistar novos clientes.  Com as novas tecnologias tomando conta dos hábitos de compras, os supermercadistas precisam atender os consumidores em todos os momentos de compra. 

Atualmente, pensar em esperar que o cliente vá até sua loja pode ser pouco. É preciso atender todas as possibilidades de compra dos clientes.

Gostou do artigo? Compartilhe com seus amigos e deixe seu comentário.

Se tem dúvidas ou sugestões, nos envie pelo Fórum Infovarejo!

Publicidade