Autor: André Lopes

Graduado em Administração Pública pela FJP e em Engenharia de Sistemas pela UFMG. Atua como especialista em Geração Distribuída na Illuminatus Energia.
Soluções para geração de energia no varejo

Soluções para geração de energia no varejo

Gestão, InfoVarejo, Varejo
Enquanto consumidor de energia elétrica, o varejo tem avaliado formas de reduzir os gastos com uma das suas principais despesas: a conta de luz. É necessário analisar seu consumo e à possibilidade de comprar energia  de um modo diferente do que você tem feito até aqui. Tornou-se economicamente viável que os consumidores pensem em sua própria geração de energia, podendo auferir ganhos de economia, ao mesmo tempo que contribuem para uma maior utilização de fontes renováveis de energia. Em suma, os equipamentos estão se tornando cada vez mais acessíveis e a novas normas possibilitaram vencer um grande obstáculo da energia solar. No caso, o descasamento entre consumo e geração de energia, ou seja, a geração é possível apenas com a incidência do sol, mas o consumo é realizado em outros perío
Economizar energia elétrica: comprando por um preço menor

Economizar energia elétrica: comprando por um preço menor

Gestão, InfoVarejo, Varejo
Diante do aumento na conta de luz nos últimos anos, algumas ações podem ser determinantes para economizar energia elétrica. Suas despesas com a conta de luz podem ser reduzidas considerando o consumo e a possibilidade de comprar energia por um preço menor.   Para avaliar a viabilidade de pagar um preço menor pela energia consumida, é importante entender inicialmente que os consumidores de energia elétrica são divididos em classes e subclasses. Além disso, acessam a rede de distribuição em tensões distintas, de forma que cada grupo de consumidor está sujeito a tarifas e regras diferentes. Normalmente, os varejistas se encaixam na classe Comercial, Serviços e outras atividades, mais especificamente na subclasse Comercial. Para estes consumidores aplicam-se as tarifas homologadas pela ANEE
Como reduzir os gastos com a conta de luz no varejo

Como reduzir os gastos com a conta de luz no varejo

Gestão, InfoVarejo, Varejo
Já faz alguns anos que as despesas com a conta de luz se tornaram fortemente relevantes para o setor varejista. Em 2015, o aumento na conta de luz foi a segunda maior despesa operacional de algumas redes supermercadistas. Em especial as revisões tarifárias aprovadas em 2018 tornaram imprescindível que os empreendedores que atuam no varejo façam uma gestão ativa dos seus gastos com energia, sob pena de perder competitividade no mercado. Diante desse cenário, listamos nesse artigo algumas ações que podem reduzir significativamente suas despesas com a conta de luz. Esses procedimentos devem ser estudadas com atenção para garantir que não haja nenhum desperdício de recursos. Cada ação tem suas vantagens e desvantagens. Assim, vamos esclarecer suas peculiaridades para facilitar sua tomada
Aumento na conta de luz: entenda seu impacto nas despesas do varejista

Aumento na conta de luz: entenda seu impacto nas despesas do varejista

Gestão, InfoVarejo, Varejo
Nos últimos meses, os consumidores de energia elétrica perceberam um considerável aumento na conta de luz. De fato, as revisões tarifárias ocorridas este ano resultaram em aumentos que devem impactar de forma expressiva as despesas. O alerta vermelho disparou, principalmente nas empresas em que o consumo de energia elétrica figura como uma despesa relevante perante a margem de lucro. Estas atuam em mercados competitivos, nos quais o preço tem grande influência na decisão dos consumidores, como o caso do setor varejista.   O valor do reajuste variou de uma distribuidora para outra, pois o processo de revisão considera características específicas de cada uma. Mas, em geral, o aumento na conta de luz foi expressivo. Alguns exemplos são os casos da Elektro (SP) que apresentou reajus

Apoiadores do InfoVarejo